Notícia: FCRAS-PR se reúne para discutir vacinação de profissionais no Paraná

Publicado em 20/04/2021

FCRAS-PR se reúne para discutir vacinação de profissionais no Paraná


FCRAS-PR se reúne para discutir vacinação de profissionais no Paraná

Nesta segunda-feira, dia 19, foi realizada uma reunião online promovida pelo Fórum dos Conselhos Profissionais da Área da Saúde - FCRAS-PR, com a participação dos presidentes das entidades. O encontro abordou a urgência da vacinação dos profissionais de saúde de Maringá e levantou ações para que seja feita a inserção dos profissionais do estado, que ainda não foram vacinados, de acordo com o Plano Nacional de Imunização.

Estiveram presentes representantes do Conselho Regional de Farmácia do Estado do Paraná (CRF-PR), Conselho Regional de Biomedicina da 6ª Região (CRBM), Conselho Regional de Fisioterapia e de Terapia Ocupacional da 8ª Região – Paraná (CREFITO-8), Conselho Regional de Nutricionistas da 8ª Região (CRN-8), Conselho Regional de Fonoaudiologia - 3ª região (CREFONO-3), Conselho Regional de Educação Física - 9ª Região (CREF-9), Conselho Regional de Psicologia do Estado do Paraná (CRP-08) e Conselho Regional de Medicina Veterinária do Estado do Paraná (CRMV-PR).

 "Temos um importante posicionamento enquanto Fórum e Conselhos Profissionais no contexto da vacinação contra a Covid-19.  É importante discutirmos o processo de vacinação em Maringá, diante da solicitação da Prefeitura de que os conselhos informassem a quantidade de profissionais não vacinados”, afirmou a presidente do Conselho Regional de Biomedicina da 6ª Região (CRBM) e representante do FCRAS-PR, Janaína Naumann, durante a reunião online.

Confira os pontos discutidos durante a reunião:

  • Solicitação de reunião do FCRAS-PR com o Secretário de Saúde do Estado, Beto Preto, destacando a importância da vacinação imediata de todos os profissionais de saúde;
  • Reivindicação à Prefeitura de Maringá, por meio de ofício, à aceleração da vacinação de todos os profissionais da saúde, bem como a definição objetiva dos critérios de chamamento destes profissionais.
  • Avaliação de medidas jurídicas conjuntas para solicitar vacinação para os profissionais de saúde;

O FCRAS-PR destaca que a coordenação e organização da vacinação é de responsabilidade dos municípios e do estado. Porém, juntos, os Conselhos solicitam a continuidade da vacinação não só em Maringá, mas também nos demais municípios, tendo em vista que as entidades identificaram centenas de profissionais de saúde que ainda não foram vacinados.

O FCRAS-PR entende e defende a vacinação para toda a sociedade, porém, dando prioridade para os profissionais de saúde para que possam seguir atuando na linha de frente contra a Covid-19, atendendo toda a sociedade. O grupo seguirá se reunindo em busca da viabilização de vacinas para todos os profissionais de saúde os quais representam.



topo